best-luxury-2024-mercado-luxo-rede-brasil-mercedes-benz-novo-eqe-300-suv-carros-aldo-rosa-eletrico-3
marcas-e-lideres-2024-rede-brasilinovador-innovation-trends-aldo-rosa-ceo-palestrante-corporates-investimento-febraban-tech-ciber-seguranca-bancos
rede-rs-cidade-2024-brasil-inovador-rio-grande-sul-aldo-rosa-ceo-reconstrucao-doacoes-resgate-acolhimento-abrigo-municipio-enchente-randoncorp-daniel-instituto-elisabetha-randon
agro-inovador-2024-rede-brasil-inovacao-esg-ia-ecossistema-startups-hub-aldo-rosa-ceo-palestrante-cna-senar-agronegocio-gaff-agribusiness-festival-xp-sp

Prejuízo do C6 Bank cai em 2023, para R$ 862 milhões. E o lucro, vem quando?

Prejuízo do C6 Bank cai em 2023, para R$ 862 milhões. E o lucro, vem quando?

Prejuízo do C6 Bank cai em 2023, para R$ 862 milhões. E o lucro, vem quando?

A realidade foi melhor do que a previsão do CEO Marcelo Kalim, que em dezembro declarou à imprensa esperar prejuízo de R$ 1,2 bilhão

Léa De Luca

Demorou, mas saiu o balanço do C6. O prejuízo caiu em 2023, mas ainda foi maior do que o de 2021. O resultado ficou negativo em R$ 862 milhões no ano passado, ante R$ 2,4 bilhões em 2022. Em 2021, o prejuízo havia sido de R$ 693 milhões. Ainda não foi em 2023 que o C6 atingiu o tão sonhado equilíbrio financeiro. Mas a realidade foi melhor do que a previsão do próprio CEO Marcelo Kalim. O banco digital teve lucro mensal de R$ 15 milhões em novembro último, pela primeira vez. Na época, Marcelo disse à Reuters que mesmo assim, em 2023 o C6 teria prejuízo – sua estimativa apontava para R$ 1,2 bilhão. Procurado, o C6 preferiu não se manifestar agora. E até a noite de segunda-feira, 15/4, também não havia publicado o resultado na sua homepage. Será que o balanço do primeiro trimestre deste ano do banco digital é azul? Finsiders Brasil apurou que o C6 estaria programando anúncio do resultado para breve.

O banco americano JP Morgan tem 46% do banco digital, que tem Gisele Bündchen como “garota propaganda”. Ou seja, por enquanto, capital não parece ser um problema para o C6. O resultado líquido de juros do C6 mais que dobrou, a receita com prestação de serviços também cresceu bastante, mas o resultado líquido com instrumentos financeiros despencou. E a previsão de perdas com crédito passou de R$ 2,1 bilhões para R$ 2,6 bilhões entre 2022 e 2023.

Lucro ou prejuízo
Em 25 de março, Finsiders Brasil publicou um balanço dos resultados dos principais bancos digitais e fintechs em 2023. PicPay e C6 ficaram de fora. O prazo para apresentação ao Banco Central vencia em 31/3. A assinatura do parecer da auditoria da PwC ao demonstrativo do C6 é de 2/4. Mesmo assim, o mercado já antecipava o que realmente aconteceu: C6 no vermelho, PicPay no azul. A previsão para o PicPay se confirmou dois dias depois, em 27/3, quando anunciou o primeiro resultado positivo anual da história. Foram R$ 37 milhões, revertendo prejuízo de R$ 693 milhões em 2022. A receita no ano atingiu recorde de R$ 3,5 bilhões, com alta de 22%, e é “atribuída principalmente à diversificação do portfólio de produtos e à bem-sucedida execução do cross-sell”, segundo disse o banco em nota. Foram movimentados no ecossistema do PicPay R$ 271 bilhões, 40% acima do transacionado no ano anterior.

https://finsidersbrasil.com.br/