best-luxury-2024-mercado-luxo-rede-brasil-mercedes-benz-novo-eqe-300-suv-carros-aldo-rosa-eletrico-3
marcas-e-lideres-2024-rede-brasilinovador-innovation-trends-aldo-rosa-ceo-palestrante-corporates-investimento-febraban-tech-ciber-seguranca-bancos
rede-rs-cidade-2024-brasil-inovador-rio-grande-sul-aldo-rosa-ceo-reconstrucao-doacoes-resgate-acolhimento-abrigo-municipio-enchente-randoncorp-daniel-instituto-elisabetha-randon
agro-inovador-2024-rede-brasil-inovacao-esg-ia-ecossistema-startups-hub-aldo-rosa-ceo-palestrante-cna-senar-agronegocio-gaff-agribusiness-festival-xp-sp
rede-brasil-inovador-2024-inovacao-innovation-trends-aldo-rosa-ceo-palestrante-ecossistema-startup-ia-esg-hub-cni-cna-cnc-universo-totvs-sp-2

WEG pode ser maior fornecedor do mundo em setor, diz Santander

WEG pode ser maior fornecedor do mundo em setor, diz Santander

A WEG (WEGE3) pode vir a se tornar a maior fornecedora global em motores elétricos de baixa tensão, após a aquisição de negócios da norte-americana Regal Rexnord por US$ 400 milhões.

A visão é do banco Santander, em relatório divulgado nesta segunda (25) pela equipe de Equity Research da América Latina.

O banco vê a transação como positiva, citando outros três pontos, e afirmando que a transação “fortalecerá a posição geográfica da WEG“, de forma a possibilitar essa performance nos mercados globais. 

  • O analista Fernando Ferrer comentou os impactos da aquisição para a WEG e se é hora de comprar as ações da companhia. 

Segundo os analistas do banco, há outros três pontos favoráveis à companhia catarinense:

  • De acordo com o documento, a WEG deverá aumentar a margem Ebita da aquisição, que foi de 9,5%, para os patamares da empresa, entre 18 a 20%;
  • O relatório também diz que a empresa “aumenta a presença no mercado” num momento em que várias outras o deixam;
  • A aquisição poder gerar até R$ 8 bilhões de valor patrimonial para a WEG.

https://www.moneytimes.com.br